quarta-feira, 2 de novembro de 2011

nada terá ocorrido


"Em algum remoto recanto do universo, que se deságua fulgurantemente em inumeráveis sistemas solares, havia uma vez um astro, no qual animais astuciosos inventaram o conhecimento. Foi o minuto mais audacioso e hipócrita da "história universal": mas, no fim das contas, foi apenas um minuto. Após alguns respiros da natureza, o astro congelou-se, e os astuciosos animais tiveram de morrer. Alguém poderia, desse modo, inventar uma fábula e ainda assim não teria ilustrado suficientemente bem quão lastimável, quão sombrio e efêmero, quão sem rumo e sem motivo se destaca o intelecto humano no interior da natureza; houve eternidades em que ele não estava presente; quando ele tiver passado mais uma vez, nada terá ocorrido."

Sobre verdade e mentira no sentido extramoral, Nietzsche.

2 comentários:

  1. é a insignificância do ser humano no universo...

    ResponderExcluir
  2. Nossa, eu adorei... fiquei com vontade de ler mais!

    ResponderExcluir